O filho da meretriz

Os teus olhos há tempos tão cansados… A tua pele é fria e enrugada… A tua boca é crua e ressecada… São teus cabelos hoje, maltratados… Vejo em ti, a visão amargurada… Foste farta de amantes e pecados… Foste à dama de becos assombrados… Foste tu, a mulher abandonada… Em teu leito de morte, uma […]

O filho da meretriz

Os teus olhos há tempos tão cansados… A tua pele é fria e enrugada… A tua boca é crua e ressecada… São teus cabelos hoje, maltratados… Vejo em ti, a visão amargurada… Foste farta de amantes e pecados… Foste à dama de becos assombrados… Foste tu, a mulher abandonada… Em teu leito de morte, uma […]

1